Qual a diferença entre pagamento parcial, adiantado e total do Cartão de crédito ?

O cartão de crédito é, no mundo moderno, a ferramenta de pagamento mais utilizada pela sociedade. Conforme dados do Serviço de Proteção ao Consumidor (SPC), cerca de 52 milhões de indivíduos fazem a utilização do cartão de crédito para realizar o pagamento de suas contas. Dentre os fatores que contribuem para a ascensão da utilização desse método de pagamento, destaca-se o fato dele permitir ao seu portador realizar uma compra de um valor acima do que aquele que ele realmente possui no momento, permitindo, ainda, o parcelamento do valor total e postergação do pagamento do mesmo. 

Todavia, se não for tomado o devido cuidado, esse aumento no poder de compra pode representar uma armadilha para o indivíduo, fazendo-o gastar uma quantia muito acima do seu orçamento, ao qual não irá conseguir realizar o pagamento. Para evitar essas situações de inadimplência, as operadoras de cartão de crédito já oferecem alguns métodos alternativos para o pagamento da fatura, sendo eles: pagamento parcial, pagamento adiantado e pagamento total da fatura do cartão de crédito. Sabendo que essas modalidades de pagamento são pouco conhecidas e difundidas entre a população brasileira, hoje, reunimos as principais informações sobre cada um desses pagamentos e explicamos as dúvidas mais recorrentes que podem vir a surgir acerca do assunto.

O que é o pagamento parcial do cartão de crédito?

O pagamento parcial da fatura do cartão de crédito consiste em realizar o pagamento de apenas uma fração do valor total de sua fatura. Essa modalidade de pagamento é utilizada por aqueles que não gostam de acumular contas e/ou preferem ir realizando o pagamento aos poucos, principalmente profissionais autônomos que, por não possuírem um salário fixo no mês, preferem quitar seus débitos no momento logo após conseguir o dinheiro. Nessa modalidade, você poderá realizar vários pagamentos de valores parciais até completar o valor total de sua fatura. 

Assim, é sempre importante ficar atento às condições fornecidas pela operadora do seu cartão de crédito, para a quase totalidade, a partir do momento em que você realiza um pagamento parcial, fatura será automaticamente fechada. Todavia, todas as operadoras de cartão de crédito impõe a restrição do pagamento parcial só poder ser realizado até a data limite de fechamento da fatura, após isso, se você realizar apenas a quitação de uma parte do valor da fatura, o mesmo será automaticamente parcelado – o qual estará sujeito a juros.

O que é o pagamento adiantado do cartão de crédito?

O pagamento adiantado da fatura do cartão de crédito consiste em efetuar o pagamento antecipado de uma fatura que ainda não foi fechada. Nesse caso, o valor que foi pago será descontado do total da fatura e o indivíduo receberá a volta do seu limite de crédito de igual valor ao pago. É válido ressaltar que antecipar o pagamento da fatura não faz com que a mesma seja fechada, todavia, mais uma vez, é importante se atentar para as condições impostas pela instituição financeira responsável pelo seu cartão de crédito, pois existem algumas que estipulam uma quantidade limite de pagamentos antecipados que se pode realizar.

O que é o pagamento total do cartão de crédito?

O pagamento total da fatura do cartão de crédito é o método mais tradicional e conhecido pela grande maioria dos usuários dessa ferramenta de pagamento. Nessa modalidade, após o fechamento da fatura e antes ou, no máximo, até a data de vencimento da sua fatura, o indivíduo irá realizar o pagamento da mesma. É importante destacar que, nessa situação, deve-se realizar a quitação do valor integral da fatura, pois, em caso contrário, a operadora de crédito irá entender que o cliente deseja parcelar a fatura e assim fará. Todavia, essa pode ser uma péssima solução, haja vista as altas taxas de juros impostas nessa situação.

Qual a diferença entre pagamento parcial, adiantado e total?

A diferença entre o pagamento parcial, o pagamento adiantado e o pagamento total, embora pareçam pequenas, são bastante significativas. No pagamento total, obrigatoriamente, o cliente irá efetuar a quitação de todo o seu débito com a operadora do cartão de crédito, coisa que não acontece no pagamento adiantado e/ou no pagamento parcial. Embora no pagamento adiantado o cliente possa realizar a quitação total da fatura, é mais comum que ele pague apenas uma parte e a fatura irá continuar em aberto e, caso sejam feitos novos gastos, eles serão adicionados na fatura. Já no pagamento parcial, o cliente paga apenas uma fração do valor total e, após fazer isso, é comum que a fatura do seu cartão seja fechada. O pagamento adiantado e parcial só pode ser realizado até a data de fechamento da fatura, já o pagamento total pode ser feito a qualquer momento até o vencimento da mesma.

Quais as vantagens de pagar o total do cartão de crédito?

De todos os pagamentos possíveis, sem dúvidas, o mais vantajoso é pagar o valor total, pois é bastante comum que ao realizar os pagamentos parciais ou adiantados, o indivíduo acabe por perder o controle acerca de suas finanças e gaste mais que o necessário, assim, ao chegar no dia do vencimento, pode ocorrer dele não possuir a quantia para o pagamento. Ao realizar o pagamento total, a operadora do cartão de crédito entende que a sua vida financeira se encontra estável e você consegue arcar com todas as suas despesas e torna mais fácil que eles concedam um aumento no seu limite. Além, quando o valor total da fatura é pago, não corre o risco de cair no parcelamento de fatura, que é o terror de todos os portadores dessa ferramenta.